Tamanho de fonte
Atualizado em sexta-feira, 21 de outubro de 2016 - 13h37

Cunha protocolará recurso contra prisão preventiva

Ex-deputado contratou criminalista que tem nove clientes da Lava Jato
Advogados de Eduardo Cunha negam que ele tenha intenção de fechar delação premiada / Adriano Machado/Reuters Advogados de Eduardo Cunha negam que ele tenha intenção de fechar delação premiada Adriano Machado/Reuters

A defesa do ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha (PMDB-RJ) vai protocolar nesta sexta-feira, no Tribunal Regional Federal da 4ª Região de Porto Alegre, um recurso contra o pedido de prisão preventiva. 


O ex-deputado contratou o criminalista curitibano Marlus Arns de Oliveira, profissional que tem nove clientes envolvidos na Operação Lava Jato, sendo que quatro já assinaram acordos de colaboração.

Apesar disso, os advogados do peemedebista negam que ele tenha a intenção de fechar uma delação premiada.

Leia também:

Cunha recebe visita de esposa na PF em Curitiba

Lava Jato quer Cunha preso por muito tempo

Maia: possível delação de Cunha não preocupa