band.com.br

Tamanho de fonte
Atualizado em segunda-feira, 7 de novembro de 2011 - 07h29

Band lamenta morte de cinegrafista no RJ

Repórter cinematográfico foi atingido por um tiro de fuzil na favela Antares, zona oeste da cidade
Gelson Domingos, de 46 anos, deixa três filhos, dois netos e a esposa / Reprodução/BandNews TV Gelson Domingos, de 46 anos, deixa três filhos, dois netos e a esposa Reprodução/BandNews TV

O Grupo Bandeirantes lamenta a morte do seu funcionário Gelson Domingos, de 46 anos, na manhã deste domingo. O repórter cinematográfico foi atingido no peito em pleno exercício da sua profissão na cobertura de uma operação da polícia na favela de Antares, em Santa Cruz, na zona oeste do Rio. Ele chegou a ser socorrido e levado para a Unidade de Pronto Atendimento da região, mas não resistiu.

O funcionário estava de colete à prova de balas – modelo permitido pelas Forças Armadas, sempre usados por profissionais da Band em situações como esta. Ele foi atingido por um tiro de fuzil, provavelmente disparado por um traficante. 

Gelson Domingos deixa 3 filhos, 2 netos e esposa. Repórter cinematográfico da TV Bandeirantes, ele já trabalhou em outras emissoras como SBT e Record e sempre foi reconhecido pela experiência e cautela no trabalho que exercia.

O Grupo Bandeirantes se solidariza com a família e está prestando toda a assistência.

 

Cadastrando-se em nossa newsletter, você receberá diariamente em seu e-mail as últimas Notícias do Band.com.br
Aceito receber e-mails da Band e parceiros