Tamanho de fonte
Atualizado em segunda-feira, 20 de março de 2017 - 15h38

Tolerância no estacionamento definida dia 24

Polêmica sobre tempo de tolerância em estacionamentos de shoppings deve ser resolvida na sexta-feira
Termo de Ajustamento de Conduta será assinado na próxima reunião / J Mendonça/Divulgação Termo de Ajustamento de Conduta será assinado na próxima reunião J Mendonça/Divulgação

Uma reunião extremamente tensa. Foi como classificou o vereador Álvaro Campelo (PP), presidente da Comissão de Defesa do Consumidor da Câmara Municipal de Manaus (CMM), o encontro realizado na semana passada, na sede do Procon Amazonas, entre órgãos públicos e representantes dos shoppings de Manaus.

 

Na pauta, a questão do tempo de tolerância de 30 minutos para gratuidade nos estacionamentos dos centros de compras. Nos maiores estabelecimentos de Manaus, o tempo para estacionamento gratuito foi reduzido para 15 minutos.

 

O parlamentar informa que não houve acordo, mas uma nova reunião foi marcada. “Uma nova reunião foi marcada para o dia 24, com a possibilidade de que seja finalmente assinado um Termo de Ajustamento de Contuta (TAC), que irá dar uma solução para o problema”.

 

Três shoppings estão cumprindo o que determina a Lei, no que diz respeito ao tempo de tolerância em seus estacionamentos: Studio 5, Plaza, Millenium, além do estacionamento do Aeroporto Eduardo Gomes.

 

Nos outros locais, os representantes das empresas se justificaram dizendo que entendem como inconstitucional a lei que determina a prática e consideram que agora cada empresa agirá de acordo com suas necessidades comerciais.

 

Sem acordo, a reunião terminou com uma minuta de TAC, que será levada na próxima sexta-feira, 24, às direções das empresas que gerenciam os estacionamentos nos shoppings. Sem possibilidade de adiamento.