Tamanho de fonte
Atualizado em quarta-feira, 13 de setembro de 2017 - 15h19

HCM segue invicto no Campeonato Amazonense de Handebol

Encontro de líderes invictos promete movimentar as torcidas nos próximos jogos agendados
HCM enfrenta o Adalberto Valle no próximo jogo / Anderson Silva/Sejel HCM enfrenta o Adalberto Valle no próximo jogo Anderson Silva/Sejel

O Handebol Clube Manaus (HCM) e o Santa Etelvina, fizeram uma disputa acirrada, pelo Campeonato Amazonense de Handebol, na noite desta terça-feira, 12. Com 24 a 23, conquistados nos 10 segundos finais da partida, o HCM saiu vencedor da partida.

 

O jogo aconteceu na quadra da Vila Olímpica de Manaus, no Bairro Dom Pedro, zona Centro-Oeste de Manaus. Com a vitória, o HCM segue invicto – ao lado do líder Adalberto Valle, com 10 pontos – apenas a dois do rival. A experiência foi exaltada pelo time vencedor.

 

“A emoção vai a mil. Nós somos um time que sempre é subestimado pelos outros por conta da nossa idade. Temos uma faixa etária de 35 a 40 anos e os outros times são mais novos. Nos dedicamos muito, somos unidas e por isso os resultados aparecem”, comentou a ponta-direita Rosinha, autora do gol da vitória.

 

Na próxima rodada, o encontro dos times que lideram vai ser a oportunidade para o Adalberto Valle e o HCM se consolidarem como a melhor equipe do campeonato, faltando apenas duas rodadas para o fim da fase de classificação.

 

“É o desafio de invictos. Estamos igualados e com dois pontos a menos. Nosso pensamento já é nelas, vamos estudar e focar para vencer”, finalizou a goleadora.

 

Insatisfeito com a derrota, o treinador do Santa Etelvina, Rosivaldo Santos, lamentou a oportunidade de subir na tabela. O resultado negativo deixou a equipe com os mesmos quatro pontos e na quarta colocação.

 

“Os detalhes decidiram. Infelizmente as equipes erram muito. Acho que elas vão muito pela emoção, querem ir muito pela vontade e pouco pela organização. Isso acaba que conta e detalhe ganha jogo. Erramos muito e foi normal ter perdido”, desabafou Rosinaldo que pensa somente na recuperação da equipe.


Para o presidente da Liga de Handebol do Amazonas (Liham), Auricélio Andrade, as equipes femininas apresentam uma boa qualidade nos jogos. A indefinição pela ponta da tabela, faltando duas rodadas para o fim da classificatória, dão mostras da qualidade da competição.


“Com a vitória do HCM tudo está indefinido. As três primeiras equipes, Adalberto Valle, HCM e Rio Negro estão na briga para ver quem fica em primeiro. Ainda tem o Penarol que pode surpreender”, explicou.

 

Desta quinta-feira,14, até o próximo domingo, 17, o Campeonato Amazonense de Handebol segue com as emoções das categorias adulto, cadete, infantil e juvenil. Os 21 jogos serão realizados na quadra da Vila Olímpica de Manaus e no ginásio Renné Monteiro, no Bairro São Geraldo, zona Centro-Sul da capital.