band.com.br

Tamanho de fonte
Atualizado em sexta-feira, 7 de março de 2014 - 20h57

SP: mulher surta, mata filho, nora e se suicida

Polícia investiga o caso e ainda não tem pistas sobre o que motivou o crime

Uma médica de cinquenta e seis anos matou o filho e a namorada dele a tiros e depois cometeu suicídio em um condomínio de alto padrão, na zona oeste de São Paulo.

Durante todo o dia, a movimentação de policiais e peritos foi grande dentro do apartamento e do lado de fora do condomínio. A família morava no segundo andar do prédio, que fica no Alto da Lapa, zona oeste de São Paulo. Foram os vizinhos quem ouviram os tiros pela manhã e chamaram a polícia.

 


Segundo informações de testemunhas, o rapaz, que era estudante do quinto ano de medicina, saiu para passear com o cachorro e, quando retornou, encontrou a namorada morta a tiros. A mãe também disparou contra ele e se matou com um tiro na boca.

Elaine Munhoz era pediatra. Segundo vizinhos, a família não aparentava ter nenhum tipo de problema.

A polícia ainda não tem pistas sobre os motivos do crime.

 

Cadastrando-se em nossa newsletter, você receberá diariamente em seu e-mail as últimas Notícias do Band.com.br
Aceito receber e-mails da Band e parceiros