Tamanho de fonte
Atualizado em sábado, 12 de agosto de 2017 - 11h06

Polícia prende quadrilha que seria ligada ao PCC

Um dos detidos pode ter relação com o assalto a empresa de transporte de valores no Paraguai
Assalto a Prosegur no Paraguai aconteceu em abril deste ano / Band Assalto a Prosegur no Paraguai aconteceu em abril deste ano Band

A polícia investiga o envolvimento de parte de uma quadrilha, detida na noite de sexta-feira (11), com o PCC (Primeiro Comando da Capital) e também em ataques a empresas de transporte de valores.

Quatro homens foram presos em frente a um conjunto habitacional, na Vila Iolanda, em Osasco, na Grande São Paulo, próximo ao Rodoanel.

Segundo chefe dos investigadores do 8º Distrito Policial, do Brás, o grupo teria ligação com o PCC e um dos homens pode ter relação com a quadrilha que, em abril deste ano, atacou a empresa de transporte de valores Prosegur, no Paraguai, e levou R$ 120 milhões.

Foram presos Danilo Pereira dos Santos, Vantuir Porto de Almeida, Thiago Rodrigues Martins e Aílton Santos Fernandes, todos com antecedentes criminais. Com os suspeitos, que segundo a polícia são especializados em ataques a caixas eletrônicos, havia 65 bananas de dinamite, quatro celulares, detonadores e um veículo.

Veja também:
Policial à paisana atira em assaltante em SP
PF realiza operação contra quadrilha de Beira-Mar