Tamanho de fonte
Atualizado em quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017 - 15h37

Criminosos aplicam golpe do depósito em empresas

Quadrilha do Mato Grosso deposita envelope vazio e frauda comprovante de pagamento para pedir reembolso alegando que enviou dinheiro a mais
Criminosos alegam que depósito foi realizado com quantia destinada aos fornecedores / Alex de Jesus/Estadão Conteúdo Criminosos alegam que depósito foi realizado com quantia destinada aos fornecedores Alex de Jesus/Estadão Conteúdo

Criminosos do Mato Grosso estão aplicando um novo golpe em que usam o nome de empresas reais para fazerem compras à vista. No entanto, na hora do pagamento, eles depositam no caixa eletrônico um envelope vazio.

Antes que a fraude seja descoberta, os bandidos entram em contato com o vendedor e dizem que, por engano, teriam depositado um valor maior do que o combinado. As empresas acabam acreditando na história e concordam em devolver o que teria sido pago a mais.

Funcionário de um banco em São Paulo, Bruno de Lima garante à reportagem da Rádio Bandeirantes que as queixas de clientes da agência onde ele trabalha aumentaram no último mês.

Na reportagem, um dos membros da quadrilha do "golpe do depósito" também conversou por telefone com o repórter Agostinho Teixeira. Escute a conversa com o criminoso:



Em nenhum momento o golpista se sentiu intimidado ao saber que do outro lado da linha estava um repórter. Questionado sobre ter medo da polícia, ele falou que Agostinho estava "atrapalhando o trabalho [da quadrilha]". Por fim, o criminoso desligou o telefone na cara da reportagem

Assista: golpista que vendia carro de luxo roubado é presa

Leia também:
CET alerta que multa do rodízio não cai para motorita que ficar preso no trânsito

Você viu?
Dono de padaria tenta arrombar caixa eletrônico do próprio estabelecimento