Tamanho de fonte
Atualizado em domingo, 8 de fevereiro de 2015 - 10h02

Mototaxista é morto por PM na Vila Cruzeiro

Testemunhas afirmam que a vítima foi baleada por não ter obedecido a uma ordem de parar

Um mototaxista morreu depois de ser baleado por um policial da UPP (Unidade de Polícia Pacificadora) do Parque Proletário na Vila Cruzeiro, no Rio de Janeiro. 

 

Testemunhas afirmam que a vítima, identificada apenas como Diego, foi atingida por não ter obedecido a uma ordem de parar dada pelos PMs que patrulhavam a região na Praça São Lucas.  

 

O comércio chegou a ser fechado durante a patrulha.