Tamanho de fonte
Atualizado em segunda-feira, 17 de julho de 2017 - 17h49

Cabines da PM permanecem vazias na orla da Zona Sul do Rio

Entre janeiro e maio deste ano, houve um aumento de 40% no registro de roubos na região de Copacabana
Ouvintes da BandNews FM denunciam cabines da PM vazias na orla de Copacabana. / (Foto: Francini Augusto) Ouvintes da BandNews FM denunciam cabines da PM vazias na orla de Copacabana. (Foto: Francini Augusto)

Fechadas e sem ninguém dentro. Assim, os ouvintes da BandNews FM descrevem que ficam, dia e noite, as cabines da Polícia Militar localizadas na orla de Copacabana, na Zona Sul do Rio.

Moradores, banhistas e comerciantes reclamam de furtos frequentemente a pedestres no calçadão da praia. O vendedor Amadeus da Silva trabalha há 10 anos, em Copacabana, e reclama da insegurança em uma das praias mais visitadas por cariocas e turistas:

“Polícia na hora não está. Quando eles vêm, o ladrão já sumiu. Tinha que ter bastante policial aqui. Se a cabine estiver vazia, não adianta nada.”, afirma o vendedor.

Durante as 2 horas que a equipe de reportagem circulou do Leme até o Copacabana Palace, na manhã desta segunda-feira (17), apenas dois policiais foram vistos, mas nenhum nas bases.

No cruzamento entre as avenidas Atlântica e Princesa Isabel, existia uma cabine da Polícia Militar, que foi removida. Agora, uma van da PM fica estacionada na região, mas sem ninguém dentro da viatura, segundo o empresário Ivan Duarte, ouvinte da BandNews que passa pelo local diariamente:

De acordo com dados do Instituto de Segurança Pública, entre janeiro e maio desde ano, houve um aumento de 40% no registro de roubos a pedestres na região de Copacabana na comparação com o mesmo período do ano passado.

Foram registrados 164 assaltos a pedestres, na delegacia responsável pelo bairro, entre janeiro e maio de 2016.Já no mesmo período desde ano, foram 228 casos.

“Acho que ela está ali só para exposição, porque também não se vê movimentação nenhuma de policial. A van está ali para decoração.”, desabafa o empresário.

r


Em nota, a PM informou que a van é uma cabine policial e que os militares ficam circulando em patrulhamento nas ruas de Copacabana.