band.com.br

Band News FM 94.9
Bradesco Esporte FM 91.1
MPB 90.3
Metro Rio de Janeiro
Tamanho de fonte
Atualizado em terça-feira, 26 de março de 2013 - 10h15

Papa Francisco vai atravessar Copacabana

Organização da JMJ prevê que novo pontífice vai chegar ao Forte de Copacabana de helicóptero antes de percorrer a avenida Atlântica
Presidente Dilma Rousseff reforçou convite ao papa Francisco para visita ao Brasil no Vaticano / Divulgação / Presidência da República Presidente Dilma Rousseff reforçou convite ao papa Francisco para visita ao Brasil no Vaticano Divulgação / Presidência da República

O novo papa já tem dia e local marcados para se encontrar com a juventude católica na Jornada Mundial da Juventu­de, no Rio. Francisco vai per­correr a avenida Atlântica, em Copacabana, zona sul, à bor­do do papamóvel, no dia 25 de julho. O novo pontífice de­ve chegar de helicóptero ao Forte de Copacabana para a cerimônia de acolhida.

 

O papa argentino será rece­bido pela multidão à beira do mar da praia mais famosa do Rio. O trajeto termina no pal­co do Leme, também na zona sul, onde Francisco deve fazer uma saudação aos peregrinos. A organização do evento espe­ra que até 2 milhões de pes­soas estejam na praia da Co­pacabana durante a passagem do papa. A recepção aconte­cerá no segundo dia da jorna­da. O arcebispo do Rio, Dom Orani João Tempesta, celebra­rá a abertura, no dia 24, tam­bém em Copacabana.

 

“Estou ansioso para chegar julho. Espero ver todos vocês no Rio de Janeiro”, declarou o papa, no domingo, em sua conta no Twitter.

 

No dia 26, o papa Francis co também visitará a praia de Copacabana, desta vez pa­ra assistir à encenação da Via Sacra. A organização da JMJ ainda trabalha na seleção dos atores que participarão da pe­ça que vai relembrar os últimos momentos de Jesus Cris­to. O papa celebrará a vigília junto aos peregrinos no Cam­pus Fidei, em Guaratiba, zona oeste. O pontífice também vai comandar a missa de envio, no dia 28 de julho.

 

O Vaticano ainda não aprovou as visitas de Fran­cisco a alguma comunida­de carente do Rio e ao Cris­to Redentor. Por enquanto, a organização só prevê os encontros protocolares com o governador Sérgio Cabral e com a presidente Dilma Rousseff.

Cadastrando-se em nossa newsletter, você receberá diariamente em seu e-mail as últimas Notícias do Band.com.br
Aceito receber e-mails da Band e parceiros