Tamanho de fonte
Atualizado em quarta-feira, 13 de setembro de 2017 - 10h48

Após polêmica, alunos do Pedro II podem sofrer sanções

Os estudantes farão uma retratação pública
Alunos levaram para o colégio fuzis de brinquedo e pacotes imitando drogas. / (Foto: Reprodução) Alunos levaram para o colégio fuzis de brinquedo e pacotes imitando drogas. (Foto: Reprodução)

O Colégio Pedro II irá realizar uma série de atividades pedagógicas no campus de São Cristóvão, na Zona Norte do Rio, até o mês de outubro. A decisão ocorreu após alunos levaram fuzis de brinquedo e pacotes imitando sacos de cocaína e tabletes de maconha para uma exposição no recreio, no último dia 5.

Os pais dos estudantes envolvidos no episódio participaram de uma reunião com a direção da unidade. De acordo com a assessoria de imprensa do colégio, houve uma retratação por parte dos alunos.

O diretor pedagógico adiantou ainda que uma palestra do Nepad, Núcleo de Estudos e Pesquisas em Atenção ao Uso de Drogas da Uerj, acontecerá na primeira semana de outubro e o comandante do Batalhão da Polícia Militar da região fará uma palestra sobre o tema. Na ocasião, os alunos farão uma retratação pública.

A direção do campus esclareceu, através de nota, que os alunos da terceira série do Ensino Médio realizam atividades denominadas "Dias Temáticos", e que, alguns estudantes denominaram por conta própria o "Dia da Favela".