Tamanho de fonte
Atualizado em quarta-feira, 13 de setembro de 2017 - 13h07

Anthony Garotinho é preso por agentes da Polícia Federal

O ex-governador apresentava seu programa no rádio
Garotinho estava nos estúdios da Rádio Tupi. / (Foto: Agência Brasil) Garotinho estava nos estúdios da Rádio Tupi. (Foto: Agência Brasil)

O ex-governador do Rio de Janeiro Anthony Garotinho, do PR, está sendo levado para Campos dos Goytacazes, no Norte Fluminense, para cumprir a prisão domiciliar determinada pela Justiça Eleitoral, hoje.

Garotinho foi preso pela manhã enquanto apresentava o programa que ancora na rádio Tupi. Descaracterizados, os agentes determinaram que o ex-governador saísse do ar ou seria algemado dentro do estúdio.

Garotinho responde a um processo na Justiça Eleitoral por compra de votos nas eleições de 2016 através da inclusão de famílias no programa social Cheque Cidadão, em Campos. O esquema foi descoberto pela operação Chequinho, da Polícia Federal, em novembro do ano passado. Ele havia sido preso na ocasião, mas teve a prisão preventiva revogada pelo TSE.

Em nota, a defesa de Anthony Garotinho nega as acusações e diz que o ex-governador nunca foi acusado de roubo ou corrupção.