Rádio Bandeirantes
Rádio BandNews FM 99.3
Rádio Ipanema FM 94.9
Canal Você
Tamanho de fonte
Atualizado em quinta-feira, 20 de abril de 2017 - 18h54

DAER mantém pardais desligados nas rodovias estaduais

Atualmente, apenas 86 equipamentos estão de fato operando
Pardais são mantidos a fim de evitar excesso de velocidade dos motoristas / Divulgação/Palácio Piratini Pardais são mantidos a fim de evitar excesso de velocidade dos motoristas Divulgação/Palácio Piratini

Os motoristas que circulam pelas estradas gaúchas enfrentam dificuldades para reconhecer quais controladores de velocidade estão em funcionamento ou desligados. Atualmente, o Departamento Autônomo de Estradas e Rodagem, o DAER, opera com dois contratos de fiscalização, com cerca de 300 equipamentos.

 

Somente em relação aos pardais, são 90 faixas com controladores. Destes, apenas 4 faixas estão com equipamento fora de funcionamento, em razão de vandalismo, na ERS-324, em Passo Fundo, e em função de obras, na Rota do Sol, em São Francisco de Paula. Mas, uma situação comum de acontecer é, ao fim dos contratos, pardais desativados seguirem nas estradas.

 

“Muitas vezes a empresa que era detentora do contrato, ao ser substituída, ela não teria o equipamento. Como os motoristas têm medo das multas, os pardais são mantidos”, disse o diretor do DAER, Rogério Uberti. De acordo com o diretor, a gestão atua para que esse cenário de contratos encerrados subitamente não se repita. O departamento já trabalha na renovação e na licitação de novos acordos.