band.com.br

Tamanho de fonte
Atualizado em terça-feira, 23 de outubro de 2012 - 14h06

Produtores voltam à criação de bicho da seda

 /

Uma criação antiga e ecologicamente correta que exige apenas um galpão com esteiras ou cama de criação para realizar o manejo. Além de um local arejado e com boa circulação. E também o clima favorável que a região do Pontal do Paranapanema oferece.

 

Mesmo com as vantagens que a criação de bicho da seda oferece, em 2007 o setor passou por uma crise e o número de criadores na região reduziu devido ao aumento das plantações que, consequentemente, realizavam pulverização e acabavam afetando as criações.

 

Após o período crítico e por ser uma região favorável, os produtores voltam otimistas para o ramo. Pela praticidade e também por trazer excelentes resultados, quem está no setor que revelar rentabilidade este ano.

 

A criação de bicho da seda, ou a sericicultora, é uma atividade recomendada, sobretudo para gerar renda às pessoas que lidam com agricultura familiar. Um trabalho minucioso e delicado, mas que pode render bons lucros aos criadores.

 

Seu Livino é um produtor. Ele sempre trabalhou no campo. Há sete anos um amigo falou sobre a criação do bicho da seda e desde então ele procurou mais informações e decidiu investir na produção, que, segundo ele, foi um dos melhores investimentos. Pois o trabalho que ele tem é apenas de cuidar dos pés de amora que servem de alimento para os bichos.

 

O produtor Livino garante que, mesmo com a seca que afetou a plantação, a criação do bicho da seda é um setor que realmente vale acreditar e investir.

 

 

 

Veja também:

Band Cidade | Os destaques do Interior Paulista

Cadastrando-se em nossa newsletter, você receberá diariamente em seu e-mail as últimas Notícias do Band.com.br
Aceito receber e-mails da Band e parceiros