Tamanho de fonte
Atualizado em quinta-feira, 9 de março de 2017 - 13h57

Enem 2017 será aplicado em dois domingos

Mudanças também afetam ordem de aplicação das provas
Provas ocorreram nos dias 5 e 12 de novembro  / Marcelo Camargo/ Agência Brasil Provas ocorreram nos dias 5 e 12 de novembro Marcelo Camargo/ Agência Brasil

O Ministério da Educação (MEC) anunciou mudanças no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) que, este ano, será realizado em dois domingos consecutivos - dias 5 e 12 de novembro - e não mais em um único fim de semana. As inscrições estarão abertas de 8 a 19 de maio.

A medida deverá beneficiar os sabatistas, integrantes de religiões que guardam o sábado. Até o ano passado, eles tinham que ficar isolados em uma sala das 13h (horário de início da prova) até o sol de pôr e faziam as provas de sábado à noite.

No primeiro domingo, os estudantes farão provas de ciências humanas, linguagens e redação. No segundo, as provas serão de matemática e ciências da natureza. Até o ano passado, o exame era realizado em um sábado e um domingo, no mesmo fim de semana, e a prova de redação era aplicada no segundo dia de exame. Com a mudança, no primeiro domingo os estudantes terão 5 horas e meia de prova e, no segundo, 4 horas e meia.

Leia: Aprenda a organizar a rotina de estudos

Taxa de inscrição

Os candidatos interessados em fazer o exame devem pagar uma taxa de inscrição. O MEC ainda discute o valor a ser cobrado. A taxa deve ser conhecida a partir da publicação do edital, prevista para 10 de abril. São isentos do pagamento da taxa os estudantes concluintes do ensino médio em escolas públicas e os participantes de baixa renda. Os estudantes isentos que não comparecerem e não justificarem a ausência perderão o benefício em 2018, caso queiram fazer a prova novamente.

Consulta Pública

O MEC também divulgou o resultado da Consulta Pública feita na internet em que 70% dos participantes foram contrários à aplicação de provas pelo computador. A pesquisa serviu de base para as mudanças nesta edição do exame. 

Você prestar o Enem? Planejamento é fundamental para encarar o exame

Assista: 30,3% dos cursos superiores são reprovados no Enade