Chinês usa granada como quebra-nozes por 25 anos

Homem só percebeu que objeto era uma arma ao ver folheto da polícia

Um camponês chinês usou, por 25 anos, uma granada de mão como quebra-nozes, sem perceber que o objeto que usava para abrir as cascas era uma arma explosiva.

Segundo o jornal Huanqiu, o homem só percebeu o que vinha usando para quebrar as nozes após ver um folheto entregue pela polícia de Ankang, na província de Shaanxi. A granada teria sido dada a ele por um amigo.

Após recolher o artefato, os policiais verificaram que a granada estava intacta, mas não souberam dizer se a arma continha de fato explosivos em seu interior.

O jornal britânico Daily Mail relata que o caso virou sucesso na rede social chinesa Weibo. “É mais estável que um celular Samsung” brincou um internauta, fazenqdo referência aos diversos aparelhos da marca que explodiram neste ano.

Retrospectiva esquisita: o inusitado vira notícia

Compartilhar

Deixe seu comentário