Sósias de Trump e Kim Jong-Un são expulsos da abertura dos Jogos de Inverno

Dupla causou alvoroço nas arquibancadas e foi retirada por agentes de segurança do local

Sósias dos presidentes dos EUA, Donald Trump, e da Coreia do Norte, Kim Jong-Un, foram expulsos da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno de Pyeongchang, na Coreia do Sul, nesta sexta-feira (9).

A presença causou alvoroço entre quem assistia da arquibancada e a dupla, que não quis revelar a verdadeira identidade, foi retirada por agentes de segurança do local. 

Segundo o "falso Kim", a participação à caráter seria um protesto pela paz, como resposta à tensão diplomática protagonizada pelos dois países e impulsionada pelas investidas nucleares da Coreia do Norte. 

Ausência esperada

A ausência dos líderes internacionais já era esperada. No lugar de Trump, o vice-presidente Mike Pence foi à cerimônia, enquanto a irmã de Jong-Un, Kim Yo-Jong, representou o ditador. 

Em um comunicado divulgado nessa quinta-feira (8), a mídia estatal da Coreia do Norte afirmou que não tem a intenção de encontrar nenhuma liderança dos EUA durante os Jogos de Inverno. 

Pence e irmã do ditador norte-coreano
Mike Pence e a irmã do ditador norte-coreano (foto: Yonhap via Reuters)

Compartilhar

Deixe seu comentário