Tamanho de fonte
Atualizado em quarta-feira, 12 de julho de 2017 - 19h21

Conheça Salento, a nova Ibiza italiana

Região tem se destacado pelas belas praias e vida noturna agitada
Praias da região tem atraído viajantes de todos os cantos da Itália / Dominio Publico/WikiCommons Praias da região tem atraído viajantes de todos os cantos da Itália Dominio Publico/WikiCommons

Há alguns anos a região de Salento, mais conhecida como a ponta do salto da bota no mapa italiano, vem se destacando como o polo do entretenimento no verão italiano com baladas, festas e festivais de músicas prestigiados por milhares de pessoas assim como Ibiza, ilha espanhola que atrai milhões de turistas todos os anos.

Assim como Ibiza, Salento, que abrange grande parte da Púglia, como as províncias de Lecce, Brindisi e Taranto, também conta com duas frentes turísticas que contribuem para a promoção do território.

De dia, o mar de águas cristalinas de Salento apaixona os turistas com suas praias paradisíacas que têm "vista" para o Mar Adriático, como Gagliano del Capo, Santa Cesarea Terme, Frassanito e Otranto; e para o Mar Jônico, como a Torre San Giovanni, Porto Selvaggio, San Isidoro, Santa Maria al Bagno e Punta della Suina.

Otranto
Freddyballo/WikiCommons

Praia Otranto e suas águas cristalinas

As praias são para todos, tanto para famílias com filhos pequenos, que procuram descanso, segurança e diversão, quanto para casais apaixonados, que desejam férias românticas, mas com emoção, ou até mesmo grupo de amigos, que apreciam não só uma boa praia, mas uma boa festa.

Torres milenares

Além disso, a região ainda conta com uma oferta impressionante de produtos locais, com frutas, verduras e alimentos feitos no próprio território, como vinho e azeite, que podem ser consumidos nos inúmeros restaurantes e cantinas em um percurso enogastronômico de encher a boca.

O cenário natural preservado é caracterizado também por 80 torres militares construídas no final de 1500 para defender Salento das invasões dos turcos e dos sarracenos pelo mar. Destas magníficas construções, duas foram restauradas e estão abertas ao público atualmente: as torres de Porto Cesareo; Torre Lapillo e Torre Chianca.

Chianca
Florixc/WikiCommons

Interior da torre milenar reserva surpresas

No interior da última ainda há um centro de primeiros-socorros às tartarugas marinhas e uma exposição fixa sobre a estátua do deus egípcio Tot que foi encontrada no mar na década de 1930.

Excursões

Além disso, do local, assim como em vários outros pontos da zona, partem excursões turístico-ambientais de barco, de Porto Cesareo às Colonne Romane, ou a pé até a reserva natural da Palude del Capitano.

Palude
Lupiae/WikiCommons

Reserva natural da Palude del Capitano

Vida noturna

Já de noite, os bares, restaurantes, baladas, festivais de música e outros eventos exclusivos aquecem a região e mostram uma Salento moderna, hype e que tem condições de atrair muito mais do que apenas os italianos nos verões dos próximos anos.

Alguns dos locais imperdíveis para se curtir a noite da região são a Isola Beach, que impõe luxo em uma ilha particular; a G Beach, que atrai a comunidade LGBT; a Blubay, a balada mais requisitada pelos italianos.

Blubay
Divulgação

Blubay, uma das casas noturnas mais frequentadas de Salento

Além disso há também os festivais de música Popfest, o Il Grido e o Postepay Sound Parco Gondar, considerados os principais da área e que agitam o verão italiano com grandes atrações internacionais.

Você viu?
Paris ganha tirolesa na Torre Eiffel
Conheça 7 praias na Itália que são paraísos de areia