Foto de garoto com cabelo congelado viraliza nas redes sociais; veja

Wang Fuman, de oito anos, caminha uma hora e meia em temperatura abaixo de zero todos os dias para ir à escola

Michele: Ninguém aqui é profissional, mas as pessoas esquecem

Imagens de um garoto chinês identificado como Wang Fuman, de oito anos, com o cabelo congelado na escola viralizaram nas redes sociais, além de chamar a atenção para o sofrimento vivido no frio extremo da China, principalmente pelas classes mais baixas. 

Este foi o resultado de uma caminhada de uma hora e meia em temperatura de -9ºC que o menino – morador zona rural de Ludian, na província de Yunnan, no sudoeste do país - realiza para ir à escola primária de Zhuanshanbao, situada no vilarejo de Xinjie, no sul da província onde o Wang vive. As mãos do menino também ficaram machucadas pelo frio extremo.

História

O garoto, que mora com a avó e a irmã mais velha em uma casa com o teto de palha, percorre 4,5 quilômetros com temperatura abaixo de zero todos os dias. Abandonado pela mãe, o menino não vê o pai há três meses, pois o responsável trabalha em outra cidade, segundo informações do jornal EL PAÍS.

Através da foto tirada pela professora, o diretor do colégio informou que o menino é ótimo aluno nas matérias de exatas e tem boas notas no conteúdo em geral.

Veja mais fotos abaixo:O colégio informou que o menino é ótimo aluno em matemáticaWang Fuman tira boas notas na escola (Reprodução/Facebook)

As mãos do garoto também foram machucadas pelo frio extremo
As mãos do garoto foram machucadas pelo frio extremo (Reprodução/Facebook)


Compartilhar

Deixe seu comentário