Defesa de Lula prepara documentário sobre 'erros e contradições' do juiz Moro

No filme, advogados do ex-presidente condenam ainda as 'falhas na sentença' de nove anos de prisão no caso tríplex do Guarujá

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) irá lançar um documentário sobre o processo do caso tríplex do Guarujá, que envolve o líder petista. 

O material será divulgado nas redes sociais antes do julgamento em segunda instância, marcado para o dia 24 de janeiro.

Uma prévia do documentário foi publicada na página do Facebook A verdade de Lula.  No material, os defensores criticam a apresentação de Power Point usado pelo Ministério Público Federal (MPF) para explicar a denúncia de corrupção contra o ex-presidente.

“É uma denúncia que começa com uma entrevista coletiva para apresentar o ex-presidente Lula como uma pessoa que já seria culpada antes de ter um processo, antes de [ele] ser julgado”, define o advogado Cristiano Zanin Martins.

No vídeo, a defesa do petista fala em “erros e contradições” do juiz Moro, além de “falhas na sentença” de nove anos e seis meses de prisão por corrupção passiva e lavagem de dinheiro no caso envolvendo o tríplex no Guarujá, litoral de São Paulo. A condenação é decorrente da Operação Lava Jato.

“O ex-presidente Lula não está tendo um processo justo, e isso é um dos direitos fundamentais, uma das garantias individuais que todo o cidadão no mundo tem direito”, completa outra advogada de Lula, Valeska Teixeira Martins. 

Confira a prévia: 

Compartilhar

Deixe seu comentário