MP alerta para 'República dos delegados'

Pela proposta da PEC 37, o Ministério Público só atuaria ‘em casos excepcionais’, e com a autorização da Justiça

Sem acordo sobre o texto final, os procuradores esperam contar com o apoio popular para evitar que a Câmara aprove na próxima semana a PEC 37, que dá o poder exclusivos às polícias de fazer investigação criminal.

Ministério Público faz ato contra a PEC 37

Ministério Público apura abusos em protestos

Pela proposta, o Ministério Público só atuaria ‘em casos excepcionais’, em caso de necessidade de coletas de provas, por exemplo, e com a autorização da Justiça.

“É uma farsa para perpetuar a impunidade”, criticou o presidente da Associação Nacional dos Procuradores da República, Alexandre Camanho, lembrando que instituições como Receita Federal, Controladoria Geral da União, Banco Central e Conselho Administrativo de Defesa Econômica.

A apresentação da proposta aos deputados será feita hoje. A votação, em 1º turno, está marcada para a próxima quarta-feira.

Compartilhar

Deixe seu comentário