Em ano eleitoral, maioria dos paulistanos diz não se envolver na vida política de São Paulo

Quando perguntados sobre a atuação na Câmara Municipal, 91% relataram não participar de nenhuma atividade na sede do legislativo

Do Metro Jornal

Notícias

Em ano de eleições municipais, uma pesquisa da Rede Nossa São Paulo mostra um baixo envolvimento da população paulistana com a política. Segundo o levantamento, 57% dos moradores da capital paulista não participam da vida política da cidade.

O estudo, divulgado nesta quarta-feira, 22, teve a parceria do Ibope Inteligência. Foram 800 pessoas entrevistadas entre os dias 5 e 19 de dezembro do ano passado. A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos. O índice de confiança é de 95%.

O dado foi tirado da pergunta “Existem várias formas de participar da vida política de uma cidade. Você costuma praticar alguma das ações desta lista?”. Entre as atividades da área mais realizadas pelos paulistanos estão compartilhar notícias sobre o município nas redes sociais e aplicativos de mensagem (29%) e assinar petições ou abaixo-assinados (21%).

Dos entrevistados, 9% disseram participar de manifestações, protestos ou passeatas de rua. Sobre trabalhos voluntários, 15% responderam atuar em organizações direcionadas para pessoas carentes ou de áreas como saúde, educação e moradia.

“A participação na vida política na cidade de São Paulo é mais frequente conforme aumenta a escolaridade do paulistano, entre os de maior renda familiar e os da classe A/B”, afirma a Rede Nossa São Paulo.

Prefeitura de São Paulo
A atual gestão da Prefeitura de São Paulo, comandada por Bruno Covas (PSDB), tem avaliação “Regular” como maioria, com 43% das respostas. 35% dos entrevistados, porém, classificam a administração municipal como “Ruim/Péssima”, enquanto 18% dizem que é “Ótima/Boa”. Não souberam ou não responderam foram 3%.

Segundo a pesquisa, conhecer bem os problemas da cidade (63%) e ter visão de futuro (55%) são as duas principais características que um prefeito deve ter. Outros tópicos que se destacam são ter experiência administrativa (39%), saber trabalhar em equipe (39%) e ser trabalhador (38%).

Câmara Municipal
Quando perguntados sobre a atuação na Câmara Municipal de São Paulo, 91% relataram não participar de nenhuma atividade na sede do legislativo da cidade. Apenas 4%, correspondente a 390 mil moradores de 16 anos ou mais, afirmaram ter participado. Outros 5% não souberam ou não responderam.

Sobre a atuação da Câmara, 50% consideram o trabalho dos vereadores “Ruim/Péssimo”, enquanto 34% veem como “Regular” e apenas “8%” disseram ser “Ótimo/Bom”. 8% não souberam ou não responderam.

Para os entrevistados, conhecer bem os problemas da região onde moram (49%) e ter visão de futuro (43%) são as principais características que um vereador deve ter. Apesar disso, 63% não se lembravam em quem votaram para o cargo nas eleições anteriores, de 2016.

Relacionadas

Últimas notícias relacionadas à editoria de Notícias.

Notícias 'Democracia nunca esteve tão forte', diz Bolsonaro Publicado em 20/02/2020 Notícias Guedes volta a pedir desculpa para empregadas domésticas e cita avó Publicado em 20/02/2020 Notícias Flávio Bolsonaro visitava Adriano na cadeia, diz ex-colega de prisão de miliciano Publicado em 20/02/2020 Notícias Professor preso fez mais de 300 vídeos Publicado em 20/02/2020 Notícias Cid Gomes tem alta de UTI e é transferido para enfermaria Publicado em 20/02/2020