Tamanho de fonte
Atualizado em terça-feira, 13 de março de 2018 - 14h13

Cresce número de estrangeiros nas escolas

Com chegada de refugiados de Haiti e Venezuela, professoras trabalham com a inclusão das crianças

O número de crianças estrangeiras na capital fez a rede pública de ensino municipal ter que se adequar para receber esse público que só cresce. Antes, o maior número era de crianças haitianas. Hoje, são de venezuelanos.