SP: uma pessoa é autuada por pichação a cada dois dias

Homens com média de idade de 25 anos são a maioria dos pichadores

A cada dois dias, uma pessoa é autuada em São Paulo por pichações do patrimônio público ou privado. Entre janeiro e abril, 73 pichadores foram flagrados na capital paulista pela GCM (Guarda Civil Metropolitana).

A Rádio Bandeirantes conseguiu, com exclusividade, uma planilha com os nomes dos acusados, horário e local onde agiram. A maioria dos pichadores abordados é estudante, do sexo masculino e jovem, com média de idade de 25 anos.

O centro é a região preferida para os ataques. Dos 52 casos registrados em São Paulo neste ano, 34 ocorreram na área.

Em fevereiro, o prefeito João Doria sancionou a lei que estabelece multa entre R$ 5 mil e R$ 10 mil aos pichadores. O prefeito regional da Sé, Eduardo Odloak, afirma que muitos dos vândalos alegam não ter condições de pagar a multa e se propõem a limpar as próprias pichações.

Você viu?
Após polêmica, grafite volta a colorir muro cinza do Beco do Batman 
SP já tem mais detidos por pichações do que em 2016

Compartilhar