Doria parabeniza os policias que 'colocaram bandidos no cemitério'

Governador de São Paulo aprovou a ação dos oficiais em confronto após assalto a bancos em Guararema

João Doria (PSDB) aprovou a atuação dos policiais no confronto contra bandidos após assalto a dois bancos em Guararema (São Paulo) na madrugada desta quinta-feira, 4. Ao menos 11 suspeitos morreram até agora após intensa troca de tiros.

O governador revelou que os policiais que participaram da ação em Guararema serão condecorados. “No próximo dia 10, no Palácio dos Bandeirantes, nós vamos homenagear esses policiais e outros que ao longo dos últimos 30 dias cumpriram a sua missão de defender os cidadãos de bem, defender o patrimônio privado e público, agindo contra bandidos. Bandidos que usam escopetas, fuzis e metralhadoras não saem para passear, saíram para assaltar e fazer vítimas, estão de parabéns os policiais que agiram e colocaram no cemitério mais 10 bandidos”, declarou em entrevista exclusiva à Rádio Bandeirantes.

O tucano afirmou que está em contato desde cedo com o comandante da Polícia Militar do Estado de São Paulo e o Secretário de Segurança Pública, e que a operação ainda não acabou. “É possível que haja outros integrantes deste bando e a polícia vai atrás”, disse.

Doria, que participou desta manhã da Conferência Daycolval-Perspectivas, aproveitou para enaltecer os resultados dos oficiais. “A polícia de São Paulo nos últimos 30 dias prendeu 5100 bandidos, recuperando mais de 1200 fugitivos do sistema prisional e continuará agindo exatamente como foi determinado pelo governador: polícia na rua e bandidos na cadeira”.

Compartilhar