Rádio Bandeirantes
Rádio BandNews FM 99.3
Band TV
Terraviva
Tamanho de fonte
Atualizado em quinta-feira, 17 de agosto de 2017 - 15h25

Amrigs reativa Sistema Nacional de Atendimento Médico

Sistema pode fazer com que pessoas sem plano de saúde não sejam dependentes do SUS

A Associação Médica do Rio Grande do Sul (Amrigs) reativou o Sistema Nacional de Atendimento Médico (Sinam). O programa tem como objetivo oferecer consultas para os usuários que deixaram de ter um convênio e não querem ser dependentes do Sistema Único de Saúde. Com 200 médicos cadastrados, atualmente o sistema oferece 66 especialidades. O presidente da Amrigs, doutor Alfredo Cantalice, explica como o Sinam funciona: “O beneficiário faz a carteira para ele e para todos os dependentes, paga R$ 140 por ano. A única coisa que a Amrigs exige é essa carteira com a duração de um ano”.

 

O usuário gaúcho poderá utilizar sua carteira em Santa Catarina e no Paraná, estados que também utilizam o sistema. Com relação a valores, o médico destaca que a Amrigs estabeleceu um teto, que deve ser cumprido. “Não interferimos no atendimento, mas exigimos que a consulta não seja superior a R$ 170”, explica Cantalice, que afirma que a intenção é futuramente levar o sistema a laboratórios e hospitais. 

 

Os usuários também tem a disposição o Sinam Medicamentos que, através da rede de farmácias Panvel, oferece descontos de 15% a 35%, mediante a apresentação da carteira do sistema e do documento de identidade. Após quase 20 anos inativo, o Sinam está funcionando na Capital desde o dia 10 de agosto. Os interessados em se cadastrar no plano podem realizar seu registro pelo site sinam.com.br.