Quatro pessoas foram presas após ataques a mesquitas na Nova Zelândia

Três homens e uma mulher são os suspeitos de massacre na cidade de Christchurch nesta sexta-feira

A polícia neozelandesa prendeu três homens e uma mulher sob a suspeita de terem atacado a tiros duas mesquitas na cidade de Christchurch, a terceira maior do país, nesta sexta-feira, 15.

Há "várias" vítimas fatais, segundo as autoridades locais. Embora a extensão da tragédia ainda não tenha sido revelada, a primeira-ministra da Nova Zelândia, Jacinda Arden, afirmou que esta sexta "é um dos dias mais sombrios" da história do país.

Além dos ataques a tiros, a polícia de Christchurch desativou diversos explosivos encontrados em veículos.

Compartilhar

Deixe seu comentário