‘Vamos reconstruir a catedral juntos’, diz Macron sobre Notre Dame

Presidente francês lançou campanha para reerguer a histórica igreja que foi consumida pelo fogo nesta segunda-feira

O presidente francês Emmanuel Macron falou em reconstruir a Catedral de Notre Dame, um dos símbolos de Paris, capital da França, ao visitar a igreja que, nesta segunda-feira, 15, foi tomada por um incêndio de grandes proporções.

“Vamos reconstruir a catedral juntos”, falou. “Uma campanha nacional será lançada e ultrapassará nossas fronteiras. Vamos convocar os maiores talentos, que são muitos, para nos ajudar a reconstruir Notre Dame”, disse o presidente em frente à estrutura tomada pelas chamas.

Macron acrescentou ainda que a catedral é a história, literatura e imaginário da França. “O lugar onde vivemos grandes momentos, epidemias, guerras, e a nossa libertação”, completou.

A Organização das Nações Unidas (ONU) anunciou que ajudará o governo francês na restauração da catedral que, lembrou, é considerado um Patrimônio da Humanidade.

O magnata François-Henri Pinault também vai integrar os esforços doando € 100 milhões para a renovação da catedral. "Meu pai (François Pinault) e eu decidimos desbloquear uma soma para a reconstrução completa da Notre Dame", afirmou o magnata francês, cuja família é dona de um conglomerado de marcas de luxo.

Apesar do prejuízo inestimável para a memória da história da humanidade, o incêndio não deixou vítimas fatais, mas um dos bombeiros que estava combatendo as chamas se feriu e está internado em estado grave. Já na madrugada de terça-feira, 16, pelo horário local, o fogo foi controlado pelas equipes.

Incêndio começou em área que passava por restauração

Foi justamente em obras de restauração que o incêndio pode ter começado, segundo informações do Corpo de Bombeiros do país. A catedral passava por um processo de restauração em sua torre estimado em US$ 6,8 milhões (R$ 26,8 milhões). Seria feita uma renovação no pináculo de 250 toneladas de chumbo que ficava no topo da principal torre.

A polícia de Paris, no entanto, diz que é cedo para identificar as causas do incêndio. A Promotoria anunciou a abertura de uma investigação para determinar as circunstâncias do incêndio, que começou às 18h30 locais (13h30 em Brasília).

Símbolo histórico

A catedral do século 12 é um dos principais pontos turísticos de Paris e ficou famosa por ser o cenário do clássico romance de Victor Hugo O Corcunda de Notre-Dame. Rodeada pelas águas do Rio Sena, recebe em média 12 milhões de visitantes ao ano, mais até do que a Torre Eiffel. O edifício foi construído ao longo de 200 anos entre 1163, durante o reinado de Luis VII, e 1345, tendo completado 850 anos em 2013.

Templo gótico tem mais de 800 anos de história:

Compartilhar