Ucraniana seminua tenta agredir líder cristão

Grupo manifestou com pôster dizendo 'Matem Kirill'

Uma ativista do grupo ucraniano Femen invadiu o aeroporto de Borispol e tentou agredir o líder da Igreja Russa Ortodoxa, o patriarca Kirill.

 

O ato aconteceu nesta quinta-feira, e o grupo protestou contra a visita do líder cristão russo à Kiev, capital ucraniana. 

 

A mulher, que tinha a frase 'Matem Kirill' pintada nas costas, foi impedida por seguranças e detida.

 

 

ucranianaAFP PHOTO / HO / FEMEN

manifetsAFP PHOTO / Genya SAVILOV

Compartilhar