Piloto estava fora da cabine, diz jornal

Informação teria sido revelada a partir dos registros de voz da caixa-preta

Um dos pilotos do avião que caiu com 150 pessoas a bordo nos alpes franceses pode ter ficado preso do lado de fora da cabine no momento do acidente. A informação, divulgada pelo jornal The New York Times, teria sido confirmada por um investigador que teve acesso aos registros de voz de uma das caixas-pretas da aeronave.

Segundo o jornal, o áudio revelaria que um dos pilotos teria saído da cabine e não conseguido mais voltar. A reportagem cita ainda que depois de bater duas vezes na porta, ele teria tentado arrombá-la. 

A Lufthansa - controladora da companhia aérea Germanwings -, no entanto, não confirma a informação. A empresa informou somente que o comandante da aeronave tinha experiência de dez anos e mais de 6 mil horas de voo. 

VALE ESTE Infográfico acidente airbus Germanwings França
Portal da Band

O Airbus A320 decolou do aeroporto de Barcelona, na Espanha, pouco depois das 9h de terça-feira (5h de Brasília) e tinha como destino a cidade alemã de Düsseldorf. Às 10h47min (horário local) o piloto fez o último contato com os controladores do tráfego aéreo: "urgência, urgência. Emergência, emergência", disse. 

Os destroços foram encontrados ainda na manhã de terça-feira, numa região de difícil acesso dos alpes franceses. Segundo investigadores, a aeronave foi pulverizada após o choque contra o solo.

Compartilhar