Estudo: relógio biológico faz galo cantar

Pesquisas feitas por cientistas japoneses apontam que relógio biológico dos galos reconhecem as horas pela manhã

Cientistas japoneses determinaram em um estudo que os galos cantam ao amanhecer porque seu relógio biológico reconhece as horas, embora não tenham descartado que a luz natural também seja uma influência.

O estudo, realizado por Tsuyoshi Shimmura e Takashi Yoshimura, da Universidade de Nagoia, publicado esta segunda-feira na revista americana Current Biology, assegura que o canto do galo "é controlado pelo ritmo circadiano", ou seja, o relógio biológico.

Os cientistas colocaram vários galos sob uma luz artificial permanente, mas sempre cantavam pouco antes do amanhecer, o que significa que atuam influenciados por seu relógio biológico.

O estudo concluiu que outros fatores, como o aparecimento da luz quando o sol nasce ou o canto de outras aves, também influenciam, embora em menor medida.

Compartilhar