Estudo sugere aumento da tarifa de ônibus

Documento aponta que seria necessário elevar o preço para R$ 3,75

A SPTrans conclui um estudo preliminar sobre o reajuste da tarifa de ônibus de São Paulo para o ano que vem. O documento aponta que seria necessário elevar a tarifa para R$ 3,75, ou seja, um aumento de 75 centavos em 2015 para repor a inflação e eliminar o subsídio pago pela prefeitura. 

O cálculo, repassado por uma fonte à reportagem da Rádio Bandeirantes, é o primeiro após a onda de manifestações de junho de 2013 quando o preço da passagem subiu 20 centavos.

Pressionadas pelos protestos que tomaram conta das ruas da capital, as autoridades recuaram e o valor de R$ 3 foi mantido. Para tanto, a prefeitura investiu R$ 1,6 bilhão. Já para evitar a elevação da tarifa em 2015 a prefeitura teria de desembolsar mais de R$ 2 bilhões.

No relatório da SPTrans há previsão de reajuste entre R$ 3,40 e 3,50. A ideia é fechar um valor com outras prefeituras e com o governo do Estado, que ainda não se pronunciou sobre as tarifas do Metrô e da CPTM. 

O martelo só deve ser batido após o dia 10, prazo de entrega da auditoria externa nas contas do sistema de remuneração de empresas e cooperativas que pode ter reflexo nos valores dos contratos. 

Na prefeitura já se fala em anunciar a nova tarifa na semana entre o Natal e Réveillon.

Compartilhar