Índice Band apresenta média das pesquisas para presidente da República

Levantamento ainda detalhou eleitorado por gênero, escolaridade, renda e região

O Índice Eleitoral Band, levantamento feito pelo Ipespe - Instituto de Pesquisas Sociais, Políticas e Econômicas, apresenta pela primeira vez nestas eleições a média das pesquisas para presidente da República. Considerando o candidato à vice-presidente na chapa do PT, Fernando Haddad, substituindo o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva na corrida eleitoral, quem mais se beneficia nesse cenário é Jair Bolsonaro (PSL). Segundo o índice, do candidato sobe para 32% das intenções de voto.

Com uma margem considerável de diferença, Marina Silva (Rede) vem na sequência com 20%, seguida por Ciro Gomes (PDT), com 13%, Geraldo Alckmin (PSDB), com 12%, Fernando Haddad, que obteve 7%, Alvaro Dias (PODEMOS), com 6%, Henrique Meirelles (MDB) e João Amoêdo (NOVO), ambos com 2%, e, por fim, Guilherme Boulos (PSOL), Cabo Daciolo (PATRIOTA), Vera Lúcia (PSTU), João Goulart Filho (PPL) e José Maria Eymael (DC), que tiveram 1% no levantamento.

com haddad

Por gênero

Em um recorte por gênero, o candidato Jair Bolsonaro é mais forte entre os homens. O presidenciável do PSL tem 40% do eleitorado masculino. Bolsonaro continua com uma porcentagem significativa no eleitorado feminino (24%), mas perde a liderança para a candidata da Rede, Marina Silva, que obteve 27% das intenções de voto.

sexo masculino
sexo feminino

Por escolaridade

Marina Silva também lidera o recorte de escolaridade entre aqueles que cursaram o ensino fundamental. A candidata da Rede aparece com 25%, seguida de perto por Jair Bolsonaro, com 24%. Já em outros detalhamentos, Bolsonaro lidera, com 38%, entre o eleitorado que cursou o ensino médio, e também aparece na frente, com 34% das intenções de voto, entre aqueles que têm ensino superior.

ensino fundamental
ensino medio
ensino superior

Por renda

Marina Silva e Jair Bolsonaro aparecem com a mesma porcentagem de intenção de voto, 26%, no recorte de renda entre o eleitorado que recebe até dois salários mínimos. O eleitor que recebe de dois a cinco salários mínimos prefere Bolsonaro, que obteve 39% nessa fatia, mesma porcentagem entre aqueles que recebem mais do que cinco salários mínimos.

dois salarios minimos
dois e cinco salarios minimos
cinco salarios ou mais

Por região

O Índice Eleitoral Band fez ainda um balanço da preferência do eleitorado por região. No Norte e no Centro-Oeste, Jair Bolsonaro aparece na frente com 40% das intenções de voto. Ele também lidera no Sudeste, com 34%, e no Sul, com 37%. No Nordeste é Marina Silva quem lidera, com 26%, seguida pelo ex-governador do Ceará Ciro Gomes, que obteve 24%, e Bolsonaro, com 20%.

regiao norte
regiao sudeste
regiao sul
regiao nordeste

Cenário com Lula

O levantamento também testou o cenário com o atual candidato do PT, Lula, liderando a preferência dos eleitores com 45% das intenções de voto. O ex-presidente pode ter a candidatura barrada pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE) com base na Lei da Ficha Limpa, já que é condenado por órgão colegiado.

Neste mesmo cenário, Jair Bolsonaro aparece na sequência com 24%, seguido por Marina Silva, com 8%, Geraldo Alckmin e Ciro Gomes, ambos com 7%, Alvaro Dias, com 4%, e João Amoêdo, com 2%. Henrique Meirelles, Guilherme Boulos e Cabo Daciolo obtiveram 1%. Vera Lúcia, João Goulart Filho e José Maria Eymael não pontuaram.

com lula

Sobre o índice

O Índice Eleitoral Band foi criado para ajudar o eleitor a interpretar as diversas pesquisas de intenção de voto. O levantamento considera apenas os votos válidos, ou seja, não leva em conta os entrevistados indecisos ou que declararam voto branco ou nulo.

O cientista político Antonio Lavareda é o responsável pela ferramenta, que foi usada pela primeira vez na cobertura das eleições de 2014. “Nós analisamos e incluímos análises de institutos que têm reputação de acertos nas trajetórias eleitorais anteriores e que usam uma metodologia mais adequada.”

Por conta da disputa acirrada, Lavareda ressalta que a análise da evolução dos candidatos ao Palácio do Planalto será de grande utilidade ao eleitor este ano. “O índice é ainda mais importante porque a reta final promete ser eletrizante uma vez que podemos ter quatro candidatos disputando, nos últimos quinze dias, a ultrapassagem e a chegada ao segundo turno”, observa.

Na próxima segunda-feira, 27, às 0h25, o programa Band Eleições terá uma edição especial para debater e analisar todos os detalhes do Índice Eleitoral.

Confira dados mais específicos:

Cenário com Lula
Pesquisas utilizadas: CNT/MDA 2.002 entrevistas (15-18/08), Ibope 2.002 entrevistas (17-19/08), Datafolha 8.433 entrevistas (20-21/08), XP/Ipespe: 1.000 entrevistas (20-22/08).

Cenário com Haddad
Pesquisas utilizadas: Ibope 2.002 entrevistas (17-19/08), Datafolha 8.433 entrevistas (20-21/08), XP/Ipespe: 1.000 entrevistas (20-22/08).

Compartilhar