Doria: Bebianno tinha grande entusiasmo em trabalhar por um país melhor

Governador de São Paulo, tucano lamentou a morte do político, pré-candidato a prefeito do Rio pelo PSDB

O governador de São Paulo, João Doria, lamentou a morte do ex-ministro Gustavo Bebianno. Doria disse que recebeu a notícia do falecimento “com profundo pesar” e que a morte do político “surpreende a todos”.

O tucano afirmou ainda que “O Rio (de Janeiro) perde, o Brasil perde. Bebianno tinha grande entusiasmo pela vida e em trabalhar por um país melhor. Meus sentimentos aos familiares e amigos nesse momento de dor”. A mensagem foi publicada no perfil do governador no Twitter.

Bebianno morreu na madrugada deste sábado, 14, após um infarto fulminante, aos 56 anos. Ele passou mal quando estava em um sítio em Teresópolis, na região serrana do Rio de Janeiro.

No último dia 5, foi Doria o autor do anúncio da pré-candidatura de Bebianno pelo PSDB, durante evento do partido em São Paulo. O lançamento oficial estava previsto para 4 de abril.

Bebianno se filiou ao PSDB depois de romper com o Bolsonaro e o PSL, no ano passado.

Compartilhar