Manifestantes contra o PT voltam à Paulista

Grupo montou acampamento na frente da sede da Fiesp

O slogan "Não vai ter golpe" ouvido durante o protesto de sexta-feira foi substituído pelo "Fora PT" na manhã do dia seguinte na Avenida Paulista, uma das principais de São Saulo.

Dezesseis barracas estão montadas na calçada em frente ao prédio da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp).

Cerca de 30 manifestantes contrários ao governo estão no local com bandeiras do Brasil, apitos e cornetas. Vinte deles disseram que passaram a noite no local e que não entraram em conflito com o grupo que protestou na sexta-feira a favor do governo.

O trânsito na Paulista está liberado nos dois sentidos, porém os manifestantes pretendem bloquear a pista ao longo do dia. Para chamar a atenção, eles esperam o semáforo fechar e ocupam a faixa de pedestres com faixas e cartazes no cruzamento da Paulista com a rua Pamplona. Quando abre, os carros voltam a circular a normalmente.

A maior parte dos motoristas que passa pelo trecho nos dois sentidos buzina para o grupo em sinal de apoio.

A Polícia Militar enviou reforços para o local e o protesto segue sem violência.

Você viu essas notícias?


OAB decide apoiar impeachment de Dilma
STF arquiva denúncia contra Aécio Neves
Em discurso em SP, Lula defende Brasil sem ódio

Fotos: os atos a favor do governo

Protesto pró-Dilma


Assista: Cuba se prepara para receber Obama

Cuba se prepara para receber Obama

Compartilhar