Freixo revela que provas de ameaças a Jean Wyllys estão com a polícia

Em entrevista, deputado federal eleito descreveu a situação como “preocupante”

O deputado federal eleito do Psol, Marcelo Freixo, confirmou que Jean Wyllys entregou à polícia provas das ameaças de morte que motivou a saída do País.

Em entrevista à Rádio Bandeirantes, ele classificou a atitude de Wyllys como "preocupante para todos os parlamentares". Freixo lembrou o caso da ex-vereadora Marielle Franco que foi assassinada no Centro do Rio de Janeiro, há 11 meses, e o caso não foi esclarecido. 

Segundo o deputado, deixar o Brasil foi a alternativa encontrada para um país que tem sintomas de “crise da democracia”.

O deputado federal eleito, Marcelo Freixo, pediu que a decisão de Jean Wyllys seja respeitada, sem julgamentos. Ele, no entanto, lamentou a ausência do parlamentar na próxima legislatura.

Jean Wyllys informou ontem que desistiu do mandato de deputado federal, porque sofreu ameaças de morte, e não informou em qual país irá morar.

Compartilhar